"> ');
x
  • Olá, o que deseja buscar?

Notícias atualize-se e recomende!

Oscar 2019 25/02/2019


Após a prestigiosa festa do Oscar ontem (24/02/19), fiquei a divagar sobre várias questões... A principal delas é a premiação em sim. Cada filme, cada ator, cada atriz, cada diretor, cada pessoa da equipe que ganha o título de "melhor" em algo deve ter uma sensação incrível. Pode ser a Palma de Ouro, do Festival de Cannes, ou o Oscar... Mas existe de fato alguém melhor que do alguém? Algo melhor do que algo? A nomeação vem de acordo com o ponto de vista de alguém ou de alguma instituição, certo? E, nesta contemporaneidade que vivemos, parece que estamos numa busca incessante por essa titulação, oriunda do externo, de outra pessoa, e não necessariamente de nós mesmos. Então só gostaria de reforçar a ideia de que devemos tomar cuidado com essa competitividade desenfreada, para que façamos e tenhamos atitudes que não tenham o título de "melhor" como objetivo maior.

Após passada a divagação :), vi um título que muito me interessou: "Period. End of sentence." Que para o português veio como "Absorvendo o tabu". Ele ganhou o Oscar de melhor curta-metragem de documentário. É um filme sobre mulheres indianas que lutam contra o tabu da menstruação e começam a produzir absorventes higiênicos. Ainda não assisti, mas, só em ler essa curta sinopse, tive pensamentos como: "inventoras", "pesquisadoras", "trabalhadoras", "dismenorreia" (cólica menstrual). Todas palavras-chave que representam muitas mulheres como eu e como você. Há alguns anos, fizemos uma revisão de literatura sobre o tema, que encontra-se disponível na seção Publicações daqui do site. E no aspecto dismenorreia, especificamente, a Fisioterapia Pélvica pode ajudar. Será que esse tema aparece no documentário? Vou assistir para saber!

Espaço de notícias

Espaço reservado para você se manter atualizado sobre a nossa agenda de cursos, publicações, palestras, seminários e muito mais.

Comentários

Nenhum comentário até o momento, seja o primeiro.